Pastores evangélicos se reúnem para discutir abertura de igrejas

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é image-86-1024x768.png

Pastores evangélicos de diversas denominações e o vice-prefeito de São José de Mipibu, Joelmo Teles participaram, no sábado (13), no Auditório da Secretaria Municipal de Educação, de uma reunião para discutir a abertura das igrejas com a permanência de 50% da capacidade dos templos.

Segundo o Diácono Capelão, Bruno Lima, “os pastores e líderes evangélicos expressaram a sua indignação ao vice-prefeito, por parte do Comitê de Combate ao Covid-19, que por acordo em consenso, tinha decidido pela permanência das igrejas abertas com 50% da  capacidade dos seus respectivos templos, seguindo todas medidas de prevenção”.

Mas, adianta Bruno, “fomos surpreendidos, porque de uma hora para outra o município tomou a decisão de não seguir o que tinha sido acordado no Comitê e acatou na íntegra o Decreto do Governo do Estado”.

“É vergonhoso para o município de São José de Mipibu acompanhar um decreto tão desumano que permite aglomerações em bares e restaurantes e fecha igrejas que respeitam todas as orientações sanitárias”.

Bruno argumenta que “as igrejas têm tido uma papel essencial nesse momento de pandemia, pois além de cuidar da vida espiritual e psicológica das pessoas, tem desenvolvido trabalhos de assistência social como distribuição de cesta básica, internamentos em clínicas de reabilitação e etc”.

APOIO DOS PASTORES NA CAMPANHA

“Na ocasião, também foi lembrado que a grande maioria dos evangélicos votaram na chapa Zé Figueiredo e Joelmo Teles, justamente pelo fato de o vice-prefeito ser evangélico e o prefeito Zé Figueiredo ter assumido um compromisso com o povo evangélico de defender a igreja”, disse. 

O vice-prefeito Joelmo Teles se comprometeu em levar as reivindicações do pastores do Grupo ‘Igreja Unida’, ao prefeito José Figueiredo, para juntos, encontrarem uma solução para o impasse. 

Fotos: Cedidas

3 Pessoas comentaram
Aline Trindade

Igreja é essencial SIM!

Paulo Sérgio dos santos

Graças a Deus por tudo que esse blog fez

Terezinha Tomaz

Desumano é ninguém pensar nos profissionais da saúde. Pra mostrar q tem fé não precisa está na igreja, pois Jesus ia pra o deserto fazer as orações. Se os fiéis adoecerem o pastor não irá cuidar de ninguém.

Entre na discussão!

Fique tranquilo, seu email está seguro.