Hermano requer segurança para conter intimidação eleitoral em São José de Mipibu

Foto: Eduardo Maia

Motivado por denúncias que apontam atos de perseguição e intimidação de cunho eleitoral no município de São José de Mipibu, o deputado Hermano Morais (PSB) apresentou requerimento na Assembleia Legislativa solicitando ao Governo do Estado, por meio da Secretaria de Segurança Pública, o reforço do efetivo policial na cidade. De acordo com Hermano, a disputa eleitoral em São José de Mipibu é acirrada e se faz necessário assegurar a ordem no município.  
 
“O pleito eleitoral em São José de Mipibu precisa acontecer em bons termos para que cheguemos ao dia 15 de forma tranquila, ordeira e democrática. Nesse sentido, estamos requerendo ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE) e ao Governo do Estado pedindo policiamento ostensivo, desde já, no município, como também a presença de forças suplementares, até mesmo do Exército, no dia das eleições”, justifica Hermano.
 
Na sessão plenária de ontem, na Casa Legislativa, a deputada Cristiane Dantas (SDD) também lamentou e reportou episódios de perseguição e intimidação ocorridos em São José de Mipibu. Oportunidade em que também solicitou providências aos órgãos competentes.

Cristiane também denuncia caso

Foto: João Gilberto

A deputada Cristiane Dantas (SDD) chamou a atenção, durante sessão plenária desta quarta-feira (4) para um caso de perseguição política que aconteceu em São José de Mipibu, e que segundo ela, se repete em outros municípios.

“Um comunicador da região foi perseguido de São José até Natal por homens contratados para fazer essa intimidação. Essas pessoas são pagas para perseguir nossos correligionários que estão participando das eleições. É inconcebível que nos dias de hoje a democracia ainda seja ameaçada para mudar os rumos do pleito”, lamentou Cristiane.

A parlamentar ressaltou que esse tipo de situação não será aceito e que foi registrado um Boletim de Ocorrência para apurar o caso. Cristiane Dantas pediu a atuação do Ministério Público, da Justiça Eleitoral e da Secretaria Estadual de Segurança para que se tome providências em relação a denuncia.

Nenhum comentário

Seja o primeiro a comentar o tópico.

Entre na discussão!

Fique tranquilo, seu email está seguro.