De volta ao passado… (18)

São José de Mipibu foi emancipada em meados do século XIX, mas já dispunha de um cemitério e mercado público, feira regular e o majestoso prédio construído em estilo colonial e barroco, abrigando em seu piso superior toda a administração da intendência municipal, Câmara de Vereadores e autoridades do Poder Judiciário e ainda o Fórum para julgamento de réus que cometeram delitos. No andar térreo deste prédio se concentravam: a delegacia policial, o destacamento da polícia militar e a cadeia pública que ocupava dois terços da área disponível. O mencionado edifício foi demolido em 1937 e no mesmo local, aproveitando parte de suas grossas paredes (frontais e laterais), foi erguido o primeiro módulo do atual mercado público e nele alojados comerciantes oriundos de um antigo e desativado mercadinho. As obras de demolição e construção foram efetuadas na gestão do prefeito da época Áureo Tavares de Araújo. O segundo módulo, complementando a estrutura atual do nosso mercado foi mandado construir na década de sessenta do século passado pelo então prefeito Hélio Ferreira. Pela vista panorâmica de 1925, podemos observar e visualizar o arruamento do centro urbano da cidade com seus prédios e casarões construídos durante dois séculos passados. A partir da década de quarenta do século em referência e até o presente foram construídas, reconstruídas ou reformadas as atuais praças Desembargador Celso Sales, Monsenhor Paiva

Compartilhar em:

1 comentário

Entre na discussão!

Fique tranquilo, seu email está seguro.