Até o Papa Francisco cumprimentou Joe Biden pela vitória nas eleições dos EUA

O presidente eleito dos Estados Unidos, Joe Biden, conversou nesta quinta-feira, 12, com o papa Francisco. O chefe do Vaticano estendeu suas bênçãos e parabenizou o democrata pela vitória nas eleições.

O chefe do Vaticano estendeu suas bênçãos e parabenizou o democrata pela vitória nas eleições, segundo a campanha de Biden.

O presidente eleito agradeceu e elogiou o papa Francisco pela “liderança na  na promoção da paz, reconciliação e os laços comuns da humanidade em todo o mundo”.

Biden também expressou seu desejo de trabalhar junto com o Papa em questões como cuidar dos marginalizados e pobres, enfrentar a crise das mudanças climáticas e acolher e integrar os imigrantes e refugiados em nossas comunidades, “com base em uma crença compartilhada na dignidade e igualdade de toda a humanidade”.

Ele será o segundo presidente católico de todos os tempos, antecedido apenas pelo ex-presidente John Kennedy.

Embora o presidente Donald Trump se recuse a reconhecer a vitória de Biden, oito líderes mundiais já ligaram para parabenizar o novo presidente dos Estados Unidos. Canadá, Alemanha, Reino Unido, França, Coreia do Sul, Japão, Austrália e Irlanda conversaram com o democrata ao longo da semana.

DO TL

O Brasil segue sem reconhecer a vitória e sem parabenizar o Democrata Joe Biden. (Do Território Livre)

2 Pessoas comentaram
Aécio Medeiros

Esse nosso presidente é um fanático de direita sem a menor noção do que é ser um verdadeiro estadista. É uma vergonha!

Angela

O primeiro e segundo parágrafos tem frases repetidas.

Entre na discussão!

Fique tranquilo, seu email está seguro.