Procuradoria de Mulheres no Senado emite nota de repúdio contra Bolsonaro por veto à distribuição gratuita de absorventes higiênicos


Senadora Leila Barros (Cidadania-DF) é a Procuradora da Mulher no Senado
Fonte: Agência Senado

As mulheres do Senado, representadas pela Procuradoria Especial da Mulher, emitiram nota de repúdio contra o desprezo do presidente da República, Jair Bolsonaro, para com as mulheres.

Bolsonaro sancionou a lei que institui o Programa de Proteção e Promoção da Saúde Menstrual, porém… vetou a previsão de distribuição gratuita de absorventes higiênicos para estudantes carentes dos ensinos fundamental e médio, e para mulheres em situação de vulnerabilidade e presidiárias.

Abaixo a nota de repúdio

Compartilhar em:

Entre na discussão!

Fique tranquilo, seu email está seguro.