PARECE MENTIRA: Mesmo após reforma de R$ 6,4 milhões, Pinacoteca Potiguar continua sem funcionar totalmente

Recuperada e inaugurada recentemente com recursos na ordem de R$ 6,4 milhões por meio do Governo Cidadão e da Secretaria Estadual de Turismo (Setur), a Pinacoteca do Estado é um verdadeiro museu fantasma.

De acordo com um relato enviado ao Blog do FM por jornalistas que visitaram o espaço cultural na tarde desta quinta-feira (10) assusta a falta de profissionalismo e zelo pela cultura do Rio Grande do Norte. 

Os profissionais de imprensa foram proibidos de trabalhar. Segundo eles, queriam apenas fazer registros fotográficos da Pinacoteca para a divulgação de um atrativo cultural de Natal em um veículo de comunicação de abrangência nacional, especializado em propagar as potencialidades do turismo local.

Entre os principais problemas relatados estão a falta do acesso à parte superior do local, segundo funcionários que trabalham não é possível subir devido a falta de reforma e restauração na escada central do local. A escada precisa de uma nova licitação para sua restauração.

Outro fato curioso é que o visitante que chega a Pinacoteca Potiguar também é surpreendido com a não permissão para gravar ou fazer fotos no local. “É necessário fazer uma solicitação para realizar uma simples foto ou vídeo”, ressaltou o jornalista que preferiu não se identificar.

“O que me deixou mais curioso é o fato de proibirem o registro de qualquer foto ou vídeo no local. É necessário fazer um pedido a Fundação José Augusto para fotografar um local público, patrimônio do povo do Rio Grande do Norte”, questionou.

A Fundação José Augusto não se manifestou para dar explicações sobre os fatos apresentados.

Com informações do Blog do FM

Fonte: Portal Grande Ponto

Compartilhar em:

Entre na discussão!

Fique tranquilo, seu email está seguro.