Mais de 70 prefeitos foram a Brasília para uma conversa com a bancada federal potiguar

Um fato que chamou a atenção essa semana no Rio Grande do Norte foi que mais de 70 prefeitos do Rio Grande do Norte, entre eles, José de Figueiredo, de São José de Mipibu, estiveram em Brasília, para uma reunião com a bancada federal potiguar.

Isso mesmo! O fato não seria incomum se a mesma reunião não fosse na capital potiguar numa sexta-feira ou segunda-feira, quando a grande maioria dos 11 integrantes potiguares estão no Estado. Não seria mais prudente mobilizar os oito deputados federais e os três senadores em encontro local?

Os mais de 70 prefeitos dos 167 municípios foram com passagens e diárias pagas pelo contribuinte potiguar. Como passagens de avião está em alta devido a inflação e à covid, então ninguém parou para pensar nesta conta?

A alegação da Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte (Femurn) é que a discussão seria uma série de projetos de importância para os municípios. “Foi uma oportunidade para mostrarmos aos deputados e senadores do RN a situação pela qual estão passando as cidades do Estado, assim como buscamos apoios para estas matérias que impactam diretamente a vida dos municípios”, disse Babá Pereira, presidente da Femurn.

Além dos cerca de 70 prefeitos presentes, mais de 20 secretários municipais também estiveram no evento representando suas cidades. Todo mundo sabe que o presidente da Femurn, Babá Pereira, é um dos coordenadores da chapa Benes (Governador) e Rogério Marinho (Senador). E quem é o coordenador da bancada federal? O deputado Benes Leocádio, do Republicanos, mesma sigla de Babá.

Secretário adjunto de Administração do município, Raul Nóbrega, prefeito de São José de Mipibu, José Figueiredo, engenheira da Secretaria de Obras, Flávia Silva, deputado Bénes Leocádio e

No saldo geral do encontro, além de Benes Leocádio, também presentes os deputados Beto Rosado (PP), Carla Dickson (PROS), Rafael Motta (PSB) e João Maia (PL). Os deputados general Girão (PSL) e Walter Alves (MDB) participaram de forma remota. A senadora Zenaide Maia (PROS) também participou de maneira virtual. Já os petistas deputada Nathália Bonavides e o senador Jean Paul Prates não foram. O senador Styverson Valetim (Podemos) também não deu as caras; nem virtualmente, como gosta de fazer em lives nas suas redes sociais.

AGORA RN

Compartilhar em:

2 Comentários

  • Karlim d'Bee disse:

    A política é feita de Kobe e corporativismo. Assa turma da FEMURN, sabe muito bem fazer esse tipo de abordagem. E a turma de prefeitos é de uma “austeridade” por dinheiro inacreditável…🤣

  • Eliab Lima disse:

    Foi uma oportunidade para TORRAREM O DINHEIRO DO CONTRIBUINTE.
    Deve estar sobrando.
    É uma vergonha, um cinismo sem limites.

Entre na discussão!

Fique tranquilo, seu email está seguro.