Mães protestam obras paralisadas do CMEI Angelina Faria, no Bairro Novo

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é image-143.png

A paralisação da construção do Centro Municipal de Educação a Infância – CMEI, “Angelina Vasconcelos de Faria”, no Bairro Novo, em São José de Mipibu foi alvo, recentemente de um protesto por parte das mães dos alunos, que se postaram diante da placa da obra, com cartazes pedindo o reinicio dos serviços.

As obras do CMEI foram iniciadas na gestão do ex-prefeito Arlindo Dantas, em 2020, no valor de R$ 716.744,59, pela empresa WAF Construções Eireli e, tinha o prazo a previsto para sua conclusão, 20 de julho de 2020.

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é image-141.png

Segundo o secretário Municipal de Obras de São José de Mipibu, Alexon Adriano, “A obra é fruto de um convênio com o Governo do Estado, por meio de Emenda Parlamentar da deputada estadual Cristiane Dantas. O governo repassará as emendas, no valor de R$ 570 mil, com uma contra partida da Prefeitura Municipal, no valor de R$ 158.878,65”, informou.

E adianta, “os trabalhos foram iniciados com os recursos da contra partida da prefeitura e até hoje, o Governo do Estado não liberou as emendas da parlamentar”.

A vereadora Verônica Senra (MDB), explicou que “a escola foi iniciada, em um terreno do Governo do Estado, que funcionava um campo de futebol. Em 2020 com uma Emenda Impositiva, da deputada Cristiane Dantas. Tudo o que foi iniciado na obra, foi fruto do convênio da contrapartida do município, que já foram empregado todo o recurso de sua responsabilidade. O Estado repassou, apenas R$ 10 mil, quando deveria ter repassado o valor da emenda, de R$ 570”. E esclarece: “esse valor está incluído recursos, também, uma outra escola na comunidade do Mendes”, diz a vereadora Verônica.

Ao ser indagado sobre a paralisação da obra do CMEI “Angelina Vasconcelos de Faria”, no Bairro Novo, o secretário particular da governadora Fátima Bezerra, o mipibuense Gilson Matias, mostrou-se surpreso e solicitou cópias do processo do convênio entre ao Governo do Estado e a Prefeitura de São José de Mipibu, para verificar o que estava ocorrendo para não está sendo repassado os recursos da emenda, pelo Governo do Estado. “Estou aguardando da secretária Municipal de Educação., Lúcia Martins, solicitando algumas informações das escolas no Bairro Novo e no Mendes”.

A secretária declarou que havia solicitado as informações ao Setor de Engenharia da Prefeitura Municipal e estava aguardando o encaminhamento desses documentos.

Compartilhar em:

Entre na discussão!

Fique tranquilo, seu email está seguro.