In memoriam: Wilma de Faria é homenageada com Diploma Bertha Lutz no Senado

Após dois anos sem a entrega do Diploma Bertha Lutz em razão da pandemia de covid-19, 21 mulheres recebem a premiação na manhã desta quarta-feira (23), em sessão solene do Senado.

A condecoração, que completa 20 anos, reconhece a contribuição das agraciadas em defesa dos direitos da mulher e as questões de gênero no Brasil.

A sessão foi aberta pelo presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, que ao lembrar do pioneirismo e luta da bióloga Bertha Lutz como figura central do movimento sufragista brasileiro, disse que a personalidade continua até hoje a inspirar mulheres no caminho da autonomia e do respeito na sociedade brasileira.

O evento, que faz parte da comemoração do Mês da Mulher, prossegue com a entrega do prêmio das agraciadas.

Entre as homenageadas Luiza Trajano, Flávia Arruda, Michelle Bolsonaro e a ex-governadora Wilma de Faria, que morreu em 2017 em decorrência de um câncer.

A homenagem a ex-governadora foi proposição da Senadora Zenaide Maia (Pros) a filha de Wilma, Márcia Maia

Fonte: Agência Senado

Compartilhar em:

Entre na discussão!

Fique tranquilo, seu email está seguro.