Grande volume de chuvas caídas em São José de Mipibu provocam danos

A chuva na região Leste potiguar que começou na noite de sábado e prosseguiu no domingo, causando estragos, tanto na capital, como também em diversos municípios da Grande Natal, entre eles Parnamirim, Extremoz, São Gonçalo do Amarante, Ceará Mirim, Nísia Floresta, São José de Mipibu, entre outros.

As maiores chuvas foram registradas em Parnamirim, que acumulou 226mm em 24 horas (entre a manhã do domingo e manhã desta segunda-feira (4), além de outros 18.8mm no sábado. Em Natal (RN), foram 194mm no acumulado entre os dois dias, com 164.5mm somente em um dia. Arez (RN) (188mm), Nísia Floresta (RN) (180mm) e Vila Flor (RN) (175mm) também tiveram grandes chuvas, assim como Touros (RN), Maxaranguape (RN), Pedro Velho (RN), Passagem (RN), Jundiá (RN), Brejinho (RN) e Ielmo Marinho (RN), que registraram chuvas superiores a 100mm.

São José de Mipibu foi bastante castigado, apesar de não ter um pluviômetro municipal para informar quantos milímetros de chuva caiu em algumas áreas do município, mas o volume ultrapassou, como outros municípios próximos, o acumulado para todo o mês de julho.

O Alerta recebeu diversos vídeo e fotos de pontos de alagamento postados em grupos de WhatsApp, ruas danificadas e registros outros desastres causados pelas chuvas ininterruptas.

Uma árvore de grande porte, na margem da rodovia RN-317 caiu, obstruindo a estrada, que liga as comunidades de Ribeiro a Laranjeiras do Abdias, nas proximidades do acesso a Empresa Vitara. O vereador José Lúcio, esteve no local com uma equipe de trabalhadores, desobstruindo a rodovia.

Na comunidade de Japecanga, as forças da águas, derrubaram um muro de um imóvel que caiu sobre uma pessoa, vindo à óbito.

Uma Escola Municipal na localidade de Jacaracica/Jardim, apresentou problemas na cobertura que, transbordando para o forro, tipo PVC, provocando alagamento em diversas salas, prejudicando o sistema elétrico da escola.

No conjunto residencial Ariane o problema se repetiu, como nos anos anteriores, com alagamento nas proximidades, devido o transbordamento de uma lagoa artificial, conhecida por ‘buraco da prefeita’.

PROVIDÊNCIAS

Segundo o advogado Fábio Dantas, que enviou ao Alerta, fotos das providências que estão sendo tomadas pela Prefeitura de São José de Mipibu.“As máquinas do município foram deslocadas para abrir valas para criar mais espaço de armazenamento das águas, vindas de pontos maios alto da cidade. Também foi colocado em funcionamento o sistema de motobombas e um caminhão de sucção, possibilitando não entrar águas nas casas”, disse.

MAIS CHUVAS

O chefe da Unidade Instrumental de Meteorologia da Emparn, Gilmar Bristot, explicou que a previsão é que as chuvas continuem ao longo de toda a semana, sendo mais intensas nos inícios de madrugada e manhãs. “Nesses horários há o incremento da atuação do sistema de brisa, tendo sempre possibilidade de chuvas mais intensas e mais fortes”, disse.


Compartilhar em:

1 comentário

Entre na discussão!

Fique tranquilo, seu email está seguro.