Governo do Estado reforça atendimento à população atingida pelas chuvas

Comitê inicia reunião permanente para implementar ações integradas

O Governo do Estado do Rio Grande do Norte amplia o trabalho de atendimento às consequências das fortes chuvas que vêm atingindo o estado nos últimos dias. Nesta sexta-feira (8), em reunião do Comitê Gestor de acompanhamento das chuvas foi decidida a intensificação das ações para retirada das pessoas em áreas alagadas e de risco, a fiscalização e manutenção em áreas de risco nas estradas, apoio técnico e operacional da Defesa Civil Estadual à Defesa Civil dos municípios, monitoramento das bacias hidrográficas e o monitoramento do clima.

O Governo do Estado também vai decretar nas próximas horas estado de emergência para permitir atuação menos burocratizada dos órgãos estaduais no apoio aos municípios abrangendo a Defesa Civil Estadual, Corpo de Bombeiros Militar, Polícia Militar, Polícia Civil, Secretárias de Infraestrutura, Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Trabalho, Habitação e Assistência Social, Comunicação, Instituto de Águas do RN, DER, Idema.

Ainda dentro das medidas para mitigar os efeitos das chuvas o Governo do Estado obteve o apoio do Exército para a utilização de bombas, veículos e pessoal em apoio às ações. A gestão estadual vai ainda oficiar aos Ministérios da Defesa e Desenvolvimento Nacional a situação de emergência no estado visando apoio do Governo Federal.

O Comitê Gestor de acompanhamento das chuvas vai manter reuniões diárias na sede do GGI – Gabinete de Gestão Integrada, no Centro Administrativo em Natal. Decretaram estado de calamidade pública ou de emergência 15 municípios potiguares: Natal, Ceará Mirim, São Gonçalo do Amarante, Macaíba, Parnamirim, Nísia Floresta, Extremoz, Touros, Nova Cruz, Canguaretama, Montanhas, Várzea, Espírito Santo, Pedro Velho e Tibau do Sul.

Compartilhar em:

Entre na discussão!

Fique tranquilo, seu email está seguro.