Ex-ministro de Bolsonaro critica manifestações pró-governo marcada para 7 de setembro

Luiz Henrique Mandetta Foto: Ueslei Marcelino

O ex-ministro da Saúde do governo Bolsonaro, Luiz Henrique Mandetta, alfinetou os apoiadores do presidente da República com um questionamento sobre as manifestações previstas para acontecer no dia 7 de setembro, em apoio à atual gestão Federal.

“Você que vai pra rua no 7 de setembro, está indo defender o que, exatamente? O aumento da fome e do desemprego, a gasolina cara, a crise energética, as mansões ou a impunidade do presidente e da família dele?”, publicou Mandetta nas redes sociais.

O médico deixou o Ministério após divergências com Bolsonaro sobre os caminhos para o combater a pandemia de covid-19. O então ministro se alinhava às orientações da Organização Mundial da Saúde (OMS) na defesa de um isolamento social mais rígido, enquanto o chefe do Executivo Federal queria a abertura do comércio, como tentativa de evitar impactos econômicos.

Desde a exoneração, Mandetta tem sido frequente opositor ao governo Bolsonaro, com críticas principalmente às ações de enfrentamento ao novo coronavírus. O ex-ministro, inclusive, depõe na CPI da covid-19, que investiga ações e omissões do governo federal na gestão da crise causada pela pandemia.

Do blog Túlio Lemos

Compartilhar em:

Entre na discussão!

Fique tranquilo, seu email está seguro.