CAPS de São José de Mipibu divulga Setembro Amarelo – “Todos pela Vida”

“Setembro é o mês alusivo a valorização pela vida. Quando as coisas não andam bem na sua cabeça, elas não andam bem em lugar nenhum. Falar é a melhor solução, não tem problema em colocar sua saúde mental em primeiro lugar. Esta sentindo medo, angustia e ansiedade, converse com alguém de sua confiança ou procure um profissional adequado“, declarou a psicóloga, Nayara Priscila Silva de Assis, diretora do Centro de Atenção Psicossocial – CAPS “Manoel Amaro Freire”, de São José de Mipibu.

Nayara Priscila Silva de Assis, diretora do Centro de Atenção Psicossocial –
CAPS “Manoel Amaro Freire” –
Foto cedida

Para Nayara, “Não vencemos toda as vezes que lutamos, mas perdemos todas as vezes que deixamos de lutar. Se perdoar é o melhor remédio, existem pessoas que se inspiram em você e que acreditam que você pode ir muito longe, acredite em você, persista por mais difícil que seja”.

O Centro de Atenção Psicossocial – CAPS “Manoel Amaro Freire”, de São José de Mipibu,tem 15 anos de serviços prestados à comunidade, desde sua inauguração, em 07/03/2006. O centro tem uma equipe multidisciplinar, focada no cuidado compartilhado, abrangendo muito mais além que só medicar. É acolhimento entre equipe e família, buscando a melhor maneira de cuida.

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é image-168-1024x794.png

O CAPS presta atendimento psiquiátrico, psicológico, visita domiciliar, atendimento familiar, grupos terapêuticos, atividades extras, passeios, entre outros. Em sua equipe existe profissionais, Psiquiátricos, Psicólogos, Nutricionista, Enfermeiras, Técnica de Enfermagem, Educador Físico e Assistente Sociais.

No período, de janeiro a junho de 2021, foram realizados os seguintes atendimentos: Atendimentos individuais – 1.242; atendimento familiar – 78 e atendimento domiciliar – 24. “Atualmente, atendemos 318 usuários frequentemente. O serviço é realizado, individualmente, no dia e horário, previamente marcado, para evitar aglomeração”, enfatizou Nayara.

Segundo a diretora do centro, “a busca pelo serviço pode ser espontânea, encaminhada de outros serviços ou através de um amigo / familiar. O CAPS está de portas abertas para acolher todos que precisam de cuidados. O serviço funciona de segunda – feira à quinta – feira, 8h as 17h”. 

Como praticar a escuta ativa de uma pessoa que necessita de atenção:

Escute a pessoa atentamente

Tenha abordagem calma e aberta, sem julgamentos

Entenda os sentimentos do outro, tenha empatia

Expresse respeito pelas opiniões e valores da pessoa

Mostre preocupação, cuidado e afeto

Compartilhar em:

Entre na discussão!

Fique tranquilo, seu email está seguro.