Bandido bom é bandido morto ou uma história sobre Jesus

Tales Augusto – É professor de História do Instituto Federal do RN, mestrando em Ciências Sociais e Humanas pela UERN e autor do livro História do RN para Iniciantes.

“Um cara que devemos desconfiar, anda com putas, um monte de escória, aleijados, uns doentes tipo aidéticos, mas era leprosos, ainda tem mais, não obedece as leis e acha que no sábado podemos fazer algo, porra, tu veio de baixo, nem diploma igual aos Doutores da Lei tem, se coloque no seu lugar.

Para piorar o safado prega que todos, repito, TODOS, devem ter vida e abundância, porra, cadê minha Meritocracia? Aí dividindo o pão e peixe as pessoas pensam, nananinanão, que trabalhem, vagabundos!

Quer algo, trabalhe, nada de esmola e ajudar os outros.

Para piorar, é contra o Deus Estado, este que praticamente sempre é a favor dos poderosos, desde o surgimento dele, falou até o que é de César é de César e de Deus é de Deus, como confiar em alguém que fala o nome de Deus assim?

Fora que é filho daquele carpinteiro, e nem sabemos se é mesmo filho dele, um tal de José, aquela mulher nova casar com um velhote? Nem é filho dos Doutores da Lei iguais a gente, um doido que acha que reunindo aquela patota, aqueles que vivem aí, pregando Igualdade, COMUNHÃO, ora, essa palavra perigosa tipo Comum. Vamos armar para eles.

Precisamos tomar providências, pois BANDIDO BOM É BANDIDO MORTO…

Vamos armar para ele, os Juízes a Gente compra, mente e até cria, manipula provas, quem vai ser contra? Assim, Pilatos começa e depois volta para ele, vai ser tão exposto que os judeus de verdade amam a Pátria de Israel, quem se opor é traidor de Javé e do Povo de Israel.

Tem mais, bora fazer o seguinte, o levar a várias autoridades e o povo vai sendo alimentado até acreditar que ele e bandido mesmo. Dará certo.

No final, a gente fala que a culpa é dele e lavamos as mãos.

Esse safado vai pagar com a vida e sangue, tem mais, vão o esquecer, o anti-carpinteiro vai colar e quem tentar ressuscitar tal homem vamos perseguir…”

OBSERVAÇÃO: Não sabiam que Ele iria Ressuscitar, uma Fé, uma Ideia, Uma Ideologia que prega o Amor, a Paz, A Diversidade, não Morre… Mas muitos continuam acreditando no que foi pregado contra o Amor!

*

Compartilhar em:

Entre na discussão!

Fique tranquilo, seu email está seguro.