Jornalismo com ética e coragem para mostrar a verdade.

julho 1, 2024

Após turbulência, passageiros ficam feridos e 23 são atendidos no Walfredo Gurgel

A Secretaria de Saúde Pública do Rio Grande do Norte (Sesap/RN) informou na manhã desta segunda-feira (1º) que o SAMU do Estado realizou a remoção de 30 pessoas que estavam no voo que realizava o trajeto Madri-Montevideu e precisou pousar emergencialmente no Aeroporto de Natal.

A Secretaria de Saúde Pública do Rio Grande do Norte (Sesap/RN) informou na manhã desta segunda-feira (1º) que o SAMU do Estado realizou a remoção de 30 pessoas que estavam no voo que realizava o trajeto Madri-Montevideu e precisou pousar emergencialmente no Aeroporto de Natal. De acordo com o diretor do Walfredo Gurgel, Geraldo Neto, 23 pacientes deram entrada na Unidade.

“Dos 23, dois inspiram mais cuidados. Então a gente articulou com o Núcleo de Regulação interna para deixar leitos de UTI disponíveis para que a gente pudesse dar toda a assistência necessária a esses pacientes”, afirmou. Os demais passageiros, ainda de acordo com ele, não estão em estado grave. O Hospital, no entanto, segue realizando os protocolos voltados às vítimas de trauma.

Geraldo Neto assegura que há uma equipe completa envolvido na assistência dos pacientes. “No momento, não houve a necessidade de articular com nenhum Hospital Privado. O Walfredo enquanto grande unidade de referência tenta se organizar internamente. Outros hospitais da rede Sesap estão se articulando para dar ajuda”, complementou.

De acordo com a coordenadora do Samu, Wilma Dantas, os pacientes que precisavam de atendimento médico estavam sem o cinto “porque eles foram projetados para a parte superior”.

sses tiveram alguns ferimentos na cabeça e na parte inferior do corpo. O caso mais grave foi de uma mulher de que teve fratura na costela durante a turbulência e precisou do uso de oxigênio para respirar.

A faixa de idade dos atendidos são pessoas de meia idade entre 60 e 65 anos com ferimentos leves. Além do Walfredo Gurgel, houve atendimentos no hospital Deoclécio Marques, em Parnamirim, no hospital Santa Catarina, na zona Norte, e em São Gonçalo do Amarante.

A coordenadora informou que estão tentando com planos de saúde uma vez que maioria dos passageiros tem para ver se conseguem a liberação deles da rede pública.

Confira nota do Governo do Estado na íntegra:

A Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) informa que, por meio do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) do Rio Grande do Norte, realizou a remoção de 30 pessoas que estavam no voo que fazia o trajeto entre Madri e Montevidéu e realizou pouso de emergência no Aeroporto Internacional de Natal na madrugada desta segunda-feira (1°).

O SAMU RN foi acionado pela concessionária que administra o aeroporto e atendeu a ocorrência com 15 ambulâncias, com apoio de unidades do SAMU Natal, do Corpo de Bombeiros e do próprio aeroporto.

Os passageiros foram avaliados e encaminhados a hospitais na capital, em sua maioria para o Hospital Monsenhor Walfredo Gurgel.

Fonte: Tribuna do Norte

Os comentários estão desativados.